Nome do sertanejo Eduardo Costa se deu após triste morte



Eduardo Costa – Reprodução: Instagram
Não é de hoje que os cantores sertanejos estão escolhendo em seus nomes de trabalho, nomes bem diferentes do que foram registrados. Por exemplo: o nome de Zezé di Camargo é Mirosmar, de Leonardo é Emival, o do Gusttavo Lima é Nivaldo, e por aí vai. Outro grande nome da música que tem um nome diferente do que está registrado em sua certidão de nascimento, é Eduardo Costa.
+ Sertanejo Eduardo Costa revela ‘vício em pornografia’
Para quem não sabe, o nome do cantor sertanejo Eduardo Costa não é este, e sim Edson Vander da Costa Batista. Mas agora, por que ele escolheu este nome para trabalhar. Pois bem, isto ele explicou em entrevista lá em 2013, para o apresentador Danilo Gentili, no ‘Agora é Tarde’.
O músico, na entrevista, revelou que tudo isso aconteceu após uma triste morte: “Sabe o que aconteceu na época. Tinha uma dupla sertaneja na época chamada Eduardo e Cristiano, e aí o Eduardo morreu. Só que eles tinham um show para fazer na região. Aí o cara me chamou para poder entrar na dupla”, afirmou.
+ “Está fazendo mal para a saúde”, sertanejo Eduardo ameaça mudança drástica em sua vida
Em seguida ele comentou que começou a ficar conhecido na região e, após o comentário de uma amiga, que o considera bastante, adotou o seu atual nome: “Aí eu comecei a fazer os shows e fiquei nesta dupla uns dois anos. E aí naquela região eu fiquei conhecido como Eduardo. Aí conheci uma mulher de Belo Horizonte, chamada Dalva, e ela falou para mim que eu tinha que chamar Eduardo. Quando eu resolvi não fazer mais esta dupla. E aí eu pensei: ‘eu acho que vou fazer isso mesmo’”.
Assista o momento:

+ “Já usei bastante”, revela sertanejo Eduardo Costa sobre produtos proibidos ao rebater críticas
Por fim, o cantor sertanejo Eduardo Costa finalizou, arrancando risadas do apresentador Danilo Gentili, que, na época da entrevista, estava na Band: “E aí peguei o ‘Eduardo’ que não era meu, mas o ‘Costa’ era”.